Páginas

VIAJANDO COM AS BORBOLETAS...TRANSFORMO-ME

Pink hibiscus-glitter Pictures, Images and Photos
CONSUMIDA PELO AMOR DA MINHA VIDA PASSAGEIRA
VIAJANDO COM AS BORBOLETAS...TRANSFORMO-ME Borboletas - Graphics, Graficos e Glitters Para OrkutNA VIDA SEMPRE HÁ TRANSFORMAÇÕES

segunda-feira, 28 de junho de 2010

SOMOS SERES ESPIRITUAIS PASSANDO POR UMA EXPERIÊNCIA HUMANA...




Lembra De Mim
Composição: Vitor Martins / Ivan Lins
Lembra de mim!
Dos beijos que escrevi
Nos muros a giz
Os mais bonitos
Continuam por lá
Documentando
Que alguém foi feliz...
Lembra de mim!
Nós dois nas ruas
Provocando os casais
Amando mais
Do que o amor é capaz
Perto daqui
Há tempos atrás...
Lembra de mim!
A gente sempre
Se casava ao luar
Depois jogava
Os nossos corpos no mar
Tão naufragados
E exaustos de amar...
Lembra de mim!
Se existe um pouco
De prazer em sofrer
Querer te ver
Talvez eu fosse capaz
Perto daqui
Ou tarde demais...
Lembra de mim!...

No Jardim da Vida

Borboletas - Graphics, Graficos e Glitters Para Orkut

Amo Entrelinhas da Vida

domingo, 27 de junho de 2010




Mutante

Rita Lee

Composição: Rita Lee - Roberto de Carvalho

Juro que não vai doer
Se um dia eu roubar
O seu anel de brilhantes
Afinal de contas dei meu coração
E você pôs na estante
Como um troféu
No meio da bugiganga
Você me deixou de tanga
Ai de mim que sou romântica!

Kiss baby, kiss me baby, kiss me
Pena que você não me kiss
Não me suicidei por um triz
Ai de mim que sou assim!

Quando eu me sinto um pouco rejeitada
Me dá um nó na garganta
Choro até secar a alma de toda mágoa
Depois eu passo pra outra
Como mutante
No fundo sempre sozinho
Seguindo o meu caminho
Ai de mim que sou romântica!

Kiss baby, kiss me baby, kiss me
Pena que você não me kiss
Não me suicidei por um triz
Ai de mim que sou assim!

quinta-feira, 24 de junho de 2010

OLHAR D'ÁGUA

olhar_o_mar.jpg

Perco-me nesse teu olhar d’água
Esse de luz reflectida que me ilumina
Que me espelha sem espelho
Que me fala do silêncio dos Amores

Nessa tua pela branca sem desenhos nem odores
Desenho com a ponta dos dedos
O meu nome...
Em palavras lentas...
Sem som
De carne apenas...

Mergulho nesse teu olhar d’água
Mergulho no Oceano da tua boca
Nado como Sereia sem escamas por entre as imagens que pintas
Nesse teu olhar d’água...

Nesse teu olhar d’água
Oiço os burburinhos do teu riso
Esse... em tom de criança
Esse que trago nas mãos e me caiem aos pés
Esse que me cocejega por entre os dedos
Como penas de ave branca
Como Ema que esconde o rosto pl’o rubor encarnado de te ter nos dedos

Hoje pintei um quadro de cor d’água
De beleza sonora
Sem som fingido

Acordei no meio da noite
De pincel na mão
De olhar d’água nos lábios
Como líquido quente esbocejante que me escorria do sono sonhado

Escrevinhei o olhar de anjo perdido
Asas quebradas
Voo esquecido
Aqui...
No meu leito... adormecido...


Susana Moura

SONHAR...AMAR...VIVER...

casal.png Kiss image by pearlette21

SAUDADES...

As vezes as coisas não são como a gente quer
e mesmo assim a vida traz chances e oportunidades únicas,
que quando desperdiçadas machucam e deixam lembranças

Lembranças de um passado não vivido, de um beijo não dado, de uma palavra não dita, de um momento não aproveitado.


Essas marcas dão vida aos sentimentos mais profundos,
E deixam saudades dos momentos não vividos,
Deixam o gosto do beijo não dado, e o sonho das palavras não ditas.

As palavras não vêm.
Os olhos ficam marejados.
Buscamos num sorriso disfarçar
Toda a emoção que nos invade.
E um coração de poeta,
Sensível a tudo, Chora uma lágrima de saudade...

Colhemos as palavras mais bonitas,
As mais ternas, As mais amigas,
Que enfeitassem singelas
O momento da despedida.

Ei-las que chegam, por fim,
Mas deixando sílabas pelos caminhos.
Até a volta,

E um coração de poeta,
Sensível a tudo,
Chora uma lágrima de saudade...


(Vera Lúcia Francisco)


quarta-feira, 16 de junho de 2010


Aconteça o Que Acontecer
Aconteça o que acontecer, esteja em paz com você mesmo.
Aconteça o que acontecer, medite sobre a sua postura perante a vida, diante do seu próximo.
Aconteça o que acontecer, esteja alerta aos seus sentimentos em relação a si e aos outros.
Aconteça o que acontecer, esteja em paz com Deus, que o criou e que quer-lhe bem.
Aconteça o que acontecer, esteja feliz, porque a vida é a melhor escola para que você cresça.
Aconteça o que acontecer, esteja em todos os corações com sua bondade, sua generosidade e sua doação.
Aconteça o que acontecer, esteja ativa na vida, pois passiva e trancada, nada lucrarás, a não ser, a estagnação.
Aconteça o que acontecer, ame, apoie, agasalhe, ajude ao próximo.
Aconteça o que acontecer, esteja em paz.



Algumas das Melhores Coisas da Vida!
Se apaixonar.
Rir até o rosto doer.
Um banho quente.
Um supermercado sem filas.
Uma piscina cheia de chocolate.
Um olhar especial.
Receber cartas.
Escutar sua música preferida.
Uma boa conversa.
Pegar uma boa praia.
Achar uma nota de R$50,00 na sua blusa de inverno do ano passado.
Rir de você mesmo!.
Ter alguém para te dizer que você é bonita.
Os amigos.
Ouvir acidentalmente alguem falar BEM de você.
Acordar e perceber que ainda faltam algumas horas para dormir.
Fazer novos amigos, ou ficar junto dos velhos.
Conversar a noite com seu colega de quarto.
Alguém brincar com seus cabelos.
Bons sonhos.
Viajens com os amigos.
Ganhar um jogo difícil.
Encontrar com um velho amigo, e descobrir que tem coisas que nunca mudam.
Descobrir que o amor é eterno e incondicional.
Abraçar a pessoa que você ama.
Ver o nascer do sol.
Levantar e agradecer a Deus por outro lindo amanhecer.

Lençol sujo
Um casal, recém-casados, mudou-se para um bairro muito tranqüilo.
Na primeira manhã que passavam na casa, enquanto tomavam café, a mulher reparou atráves da janela em uma vizinha que pendurava lençóis no varal e comentou com o marido:
- Que lençóis sujos ela está pendurando no varal!
- Está precisando de um sabão novo. Se eu tivesse intimidade perguntaria se ela quer que eu a ensine a lavar as roupas!

O marido observou calado.

Alguns dias depois, novamente, durante o café da manhã, a vizinha pendurava lençóis no varal e a mulher comentou com o marido:
- Nossa vizinha continua pendurando os lençóis sujos! Se eu tivesse intimidade perguntaria se ela quer que eu a ensine a lavar as roupas!
E assim, a cada dois ou três dias, a mulher repetia seu discurso, enquanto a vizinha pendurava suas roupas no varal.
Passado um tempo a mulher se surpreendeu ao ver os lençóis muito brancos sendo estendidos, e empolgada foi dizer ao marido:
- Veja, ela aprendeu a lavar as roupas, será que outra vizinha ensinou
O marido calmamente respondeu:
- Não, hoje eu levantei mais cedo e lavei os vidros da nossa janela!
E assim é.
Tudo depende da janela, através da qual observamos os fatos.
Antes de criticar, verifique se você fez alguma coisa para contribuir, verifique seus próprios defeitos e limitações. Olhe antes de tudo, para sua própria casa, para dentro de você mesmo.
Só assim poderemos ter noção do real valor de nossos amigos.

Lave sua vidraça.

Abra sua janela.

terça-feira, 15 de junho de 2010

Presença
É preciso que a saudade desenhe tuas linhas perfeitas,
teu perfil exato e que, apenas, levemente, o vento
das horas ponha um frêmito em teus cabelos...
É preciso que a tua ausência trescale
sutilmente, no ar, a trevo machucado,
a folhas de alecrim desde há muito guardadas
não se sabe por quem nalgum móvel antigo...
Mas é preciso, também, que seja como abrir uma janela
e respirar-te, azul e luminosa, no ar.
É preciso a saudade para eu sentir
como sinto - em mim - a presença misteriosa da vida...
Mas quando surges és tão outra e múltipla e imprevista
que nunca te pareces com o teu retrato...
E eu tenho de fechar meus olhos para ver-te!

segunda-feira, 14 de junho de 2010

Ser Criança


Ser criança é acreditar que tudo é possível.

É ser inesquecivelmente feliz com muito pouco

É se tornar gigante diante de gigantescos pequenos obstáculos

Ser criança é fazer amigos antes mesmo de saber o nome deles.

É conseguir perdoar muito mais fácil do que brigar.

Ser criança é ter o dia mais feliz da vida, todos os dias.

Ser criança é o que a gente nunca deveria deixar de ser.

(Gilberto dos Reis)


"A felicidade não depende do que nos falta, mas do bom uso que fazemos do que temos." (Thomas Hardy)

sábado, 12 de junho de 2010

quinta-feira, 10 de junho de 2010





Quando me amei de verdade, compreendi que em qualquer circunstância, eu estava no lugar certo, na hora certa, no momento exato.
E então, pude relaxar.
Hoje sei que isso tem nome... Auto-estima.
Quando me amei de verdade, pude perceber que minha angústia, meu sofrimento emocional, não passa de um sinal de que estou indo contra minhas verdades.
Hoje sei que isso é...Autenticidade.
Quando me amei de verdade, parei de desejar que a minha vida fosse diferente e comecei a ver que tudo o que acontece contribui para o meu crescimento.
Hoje chamo isso de... Amadurecimento.
Quando me amei de verdade, comecei a perceber como é ofensivo tentar forçar alguma situação ou alguém apenas para realizar aquilo que desejo, mesmo sabendo que não é o momento ou a pessoa não está preparada, inclusive eu mesmo.
Hoje sei que o nome disso é... Respeito.
Quando me amei de verdade comecei a me livrar de tudo que não fosse saudável... Pessoas, tarefas, tudo e qualquer coisa que me pusesse para baixo. De início minha razão chamou essa atitude de egoísmo.
Hoje sei que se chama... Amor-próprio.
Quando me amei de verdade, deixei de temer o meu tempo livre e desisti de fazer grandes planos, abandonei os projetos megalômanos de futuro.
Hoje faço o que acho certo, o que gosto, quando quero e no meu próprio ritmo.
Hoje sei que isso é... Simplicidade.
Quando me amei de verdade, desisti de querer sempre ter razão e, com isso, errei muitas menos vezes.
Hoje descobri a... Humildade.
Quando me amei de verdade, desisti de ficar revivendo o passado e de preocupar com o futuro. Agora, me mantenho no presente, que é onde a vida acontece.
Hoje vivo um dia de cada vez. Isso é... Plenitude.
Quando me amei de verdade, percebi que minha mente pode me atormentar e me decepcionar. Mas quando a coloco a serviço do meu coração, ela se torna uma grande e valiosa aliada.
Tudo isso é... Saber viver!!!
Charles Chaplin




Era uma vez......
um dia.... seu dia....enfim.....todos os dias....
E por você não ser específico.....
Vou entregar-te...para que te desejem...
porque sei que meu és, sem que eu peça
na mais extensa liberdade, e
sob minha total responsabilidade, pois
o meu amar-te não pede a tua permissão....
Meu namorado...tem a pele que gosto...tem o cheiro que mereço....tem a química que me atrai....

Vive comigo dias ...noites.... anos e anos....
É o homem que idealizei....
o macho com quem me deito....
o moleque com quem brinco...
é o homem decidido...é a criança que chora....é a criatura mais bela que me ama.

a estatura é que possam imaginar...
seu coração é arrebatado de paixões...
seus sonhos e fantasias....são intermináveis...
com ele me deito ...levanto ....trabalho e descanso...é o homem que prepara meus carinhos...me faz gentilezas....é repleto de surpresas.

não reclama....me encanta...
não ignora...pois está sempre atento...
é simples como gosto...
sofiscado ....como exigem.

Não tem idade certa....pois a certeza não é necessária...
está sempre abraçado a mim.....
de garupa....sentado ao meu lado....
no meu colo.....no meu leito......
dentro e fora de mim.

Meu namorado.....é perfeito do meu jeito....do seu jeito......fomos....somos e seremos UM...sem fim......pois meus sonhos são eternos....e ele é a parte INTEIRA do meu EU!!!

Autor: Desconhecido


quarta-feira, 9 de junho de 2010

Run To You


Run To You

I know that when you look at me
There's so much that you just don't see
But if you would only take the time
I know in my heart you'd find
Oh a girl that's scared sometimes
Who isn't always strong
Can't you see the hurt in me
I feel so all alone

[Chorus]
I wanna run to you
I wanna run to you
Won't ya hold me in your arms and keep me safe from harm
I wanna run to you
But if I come to you
Tell me will you stay
Or will you run away

Each day, each day I play the role
Of someone always in control
But at night I come home and turn the key
There's nobody there, no one cares for me
Oh woah, what's the sense of trying hard to find your dreams
Without someone to share them with
Tell me what does it mean

[Chorus]

Run away, no
I need you here, I need you here to wipe away my tears
To kiss away my fears
No, if you only knew how much I wanna run to you
You know I wanna run to you
Won't ya hold me in your arms and keep me safe from harm
I wanna run to you
But if I come to you
Tell me will you stay
Or will you run away

Correndo Para Você

Eu sei que quando você olha pra mim
Tem tanta coisa que você simplesmente não vê
Mas se você apenas pudesse pegar um tempo
Eu sei que em meu coração você encontraria
Uma garota que se assusta as vezes
Que não é sempre forte
Você não consegue ver o sofrimento em mim
Eu me sinto tão sozinha

[ Refrão ]
Eu quero correr para você
Eu quero correr para você
Você não pode me envolver em seus braços e me manter segura do mal?
Eu quero correr para você
Mas se eu for para você
Me diz se vai ficar
Ou vai embora

A cada dia, a cada dia eu represento meu papel
De alguém que está sempre no controle
Mas à noite eu venho para casa e viro a chave
Não tem ninguém ali, ninguém se importa comigo
Qual é o sentido de se lutar tanto para realizar seus sonhos
Sem ninguém para poder partilhá-los
Me diga qual o objetivo

[ Refrão ]

Fugir, não
Eu preciso de você aqui, Eu preciso de você aqui para secar as minhas lágrimas
Para me beijar e espantar meus medos
Não, se você apenas soubesse o quanto eu queria correr para você
Você sabe que eu quero correr para você
Você não pode me envolver em seus braços e me manter segura do mal?
Eu quero correr para você
Mas se eu for para você
Me diz se você vai ficar
Ou vai embora

terça-feira, 8 de junho de 2010





A volta de uma das maiores cantoras de todos os tempos... agora sustentada pelo Senhor!!!
Seja muitíssimo bem vinda Whitney Houston...

I Look To You

As I lay me down
Heaven hear me now
I'm lost without a cause
After giving it my all

Winter storms have come
And darkened my sun
After all that I've been through
Who on earth can I turn to?

I look to you
I look to you
After all my strength is gone
In you I can be strong

I look to you
I look to you
And when melodies are gone
In you I hear a song I look to you

After I lose my breath
There's no more fighting left
Thinking to rise no more
Searching for that open door

And every road that I've taken
Led to my regret
And I don't know if I'm gonna make it
Nothing to do but lift my head

I look to you
I look to you
After all my strength is gone
In you I can be strong

I look to you
I look to you
And when melodies are gone
In you I hear a song
I look to you

My love is all broken (oh Lord)
My walls have come (coming down on me)
tumbling down on me (All the rain is falling)

The rain is falling
Defeat is calling (set me free)
I need you to set me free
Take me far away from the battle
I need you to shine on me

I look to you
I look to you
After all my strength is gone
In you I can be strong

I look to you
I look to you
And when melodies are gone
In you I hear a song
I look to you

I look to you
I look to you...

Eu Olho Para Você

Ao me deitar
O céu me ouve agora
Estou perdida sem uma causa
Depois de me dar por inteira

As tempestades de Inverno vieram
E escureceram meu sol
Depois de tudo que passei
A quem posso me voltar?

(Refão)
Eu olho para você
Eu olho para você
Depois que toda a minha força se foi
Em você posso ser forte

Eu olho para você
Eu olho para você
E quando as melodias se foram
Em você ouço uma canção, eu olho você

(Verso 2)
Depois que perco a minha respiração
Não há mais porque lutar
Não há mais pensamentos de se reerguer
Procurando por aquela porta aberta

E cada caminho que tomei
Levou-me ao desgosto
E não sei se irei fazer
Nada a fazer senão levantar a minha cabeça

(Refrão)
Eu olho para você
Eu olho para você
Depois que toda a minha força se foi
Em você posso ser forte

Eu olho para você
Eu olho para você
E quando as melodias se foram
Em você ouço uma canção
Eu olho para você

(Coro)
O meu amor foi todo destruído (oh Senhor)
As minhas paredes caíram sobre mim
Caindo sobre mim (a chuva está caindo)

A chuva está caindo
A derrota está chamando (me liberte)
Preciso de você para me libertar
Leve-me para longe da batalha
Preciso de você para brilhar sobre mim

(Refrão)
Eu olho para você
Eu olho para você
Depois que toda a minha força se foi
Em você posso ser forte

Eu olho para você
Eu olho para você
E quando as melodias se foram
Em você ouço uma canção
Eu olho para você

Eu olho para você
Eu olho para você...



“Quando sua vida começa, você tem apenas uma mala pequenina na mão...”. A medida em que os anos vão passando, a bagagem vai aumentando. Porque existem muitas coisas que você recolhe pelo caminho...
Até coisas que pensa que não ser importantes. A um determinado ponto do caminho começa a ficar insuportável carregar tantas coisas. Pesa demais... Então você pode escolher: Ficar sentado à beira do caminho, esperando que alguém o ajude, o que é difícil, pois todos que passarem por ali já terão sua própria bagagem. Ou você pode aliviar o peso, esvaziando a mala. Mas o que tirar? Você começa tirando tudo para fora, e vendo o que tem dentro... Amizade... Amor... Amizade... Amor... Amor... Amizade... Nossa! Tem bastante coisas, e curioso... Não pesa nada! Mas tem algo pesado... Você faz força para tirar... É a raiva. Como ela pesa! Então, você começa a tirar, tirar e aparecem a incompreensão, o medo, o pessimismo... Nesse momento, o desânimo quase te leva para dentro da mala... Mas você puxa-o para fora com toda a força e aparece um sorriso, que estava sufocado no fundo de sua bagagem... Pula para fora outro sorriso e mais outro, e aí saem a felicidade... Você coloca as mãos dentro da mala de novo e tira para fora a tristeza... Agora, você vai ter que procurar a paciência dentro da mala, pois você vai precisar bastante... Procure então o resto:
Força, esperança, coragem, entusiasmo, equilíbrio, responsabilidade, tolerância, bom humor... Tira a preocupação também e coloque-a nas mãos de Deus..
Bem, sua bagagem está pronta para ser arrumada de novo!
Mas pense bem o que você vai colocar lá dentro! E não se esqueça de fazer isso mais vezes... Pois o caminho é muito... muito longo!!!

sexta-feira, 4 de junho de 2010


Vida é Superação


A nossa alegria supera nossa tristeza,
nosso consolo supera nossa dor,
nossa fé supera nossa dúvida,
nossa esperança supera nosso desespero,
nosso entusiasmo supera nosso desânimo,
nosso sucesso supera nosso fracasso,
nossa coragem supera nosso medo,
nossa força supera nossa fraqueza,
nossa perseverança supera nossa inconstância,
nossa paz supera nossa guerra,
nossa luz supera nossa escuridão,
nossa voz supera nosso silêncio,
nossa paciência supera nossa impaciência,
nosso descanso supera nosso cansaço,
nosso conhecimento supera nossa ignorância,
nossa sabedoria supera nossa tolice,
nossa vitória supera nossa derrota,
nossa ação supera nosso tédio,
nosso ganho supera nossa perda,
nossa resistência supera nossa fragilidade,
nosso sorriso supera nosso choro,
nossa gratidão supera nossa ingradidão,
nossa riqueza supera nossa pobreza,
nosso sonho supera nossa realidade...
Nosso amor a Deus, ao próximo, à vida, nos faz superar tudo!
(Pr. Edilson Ramos)

Eu Sempre Amarei Você


Se eu pudesse ficar
Eu só estaria no seu caminho
Então eu irei mas eu sei
Eu pensarei em você
Em cada passo do caminho

E eu… sempre amarei você
Eu sempre amarei você
Você meu querido

Doces, amargas lembranças
São tudo o que eu levo comigo
Então, por favor não chore
Nós dois sabemos que eu não sou o que você precisa

E eu … sempre amarei você
Eu … sempre amarei você
Eu espero que a vida te trate bem
E eu espero que você tenha tudo
Tudo o que você sonhou para ti
E eu lhe desejo diversão
E felicidades
Mas acima de tudo, eu lhe desejo amor

E eu… eu sempre amarei você
Eu sempre amarei você
eu sempre amarei você
Eu sempre amarei você
eu sempre amarei você
Eu, eu sempre amarei você … você

Amorzinho eu amo você
Eu sempre irei
Eu sempre irei
Amar você...